08/12/2018

[Resenha] Cidade dos Etéreos - Ransom Riggs


Boa Noite!! Hoje temos a segunda resenha do mês no blog 📚 E o escolhido da vez foi o livro Cidade dos Etéreos, segundo livro da série O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares, do autor Ransom Riggs  ❤ A resenha do primeiro livro saiu faz um pouco mais e um mês aqui no blog e em breve também teremos a resenha do terceiro livro, que eu li em sequencia desse 📘

Dados do Livros
Titulo: Cidade dos Etéreos (O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares #2)
Autor(a): Ransom Riggs
Quantidade de Páginas: 384
Editora Intrínseca
Gênero: Literatura Estrangeira / Fantasia
Ano: 2016
Skoob: Clique Aqui
Sinopse: Cidade dos Etéreos dá sequência ao celebrado O orfanato da srta. Peregrine para crianças peculiares, em que o jovem Jacob Portman, para descobrir a verdade sobre a morte do avô, segue pistas que o levam a um antigo lar para crianças em uma ilha galesa. O orfanato abriga crianças com dons sobrenaturais, protegidas graças à poderosa magia da diretora, a srta. Peregrine.
Neste segundo livro, o grupo de peculiares precisa deter um exército de monstros terríveis, e a srta. Peregrine, única pessoa que pode ajudá-los, está presa no corpo de uma ave. Jacob e seus novos amigos partem rumo a Londres, cidade onde os peculiares se concentram. Eles têm a esperança de, lá, encontrar uma cura para a amada srta. Peregrine, mas, na cidade devastada pela guerra, surpresas ameaçadoras estão à espreita em cada esquina. E, além de levar as crianças a um lugar seguro, Jacob terá que tomar uma decisão importante quanto a seu amor por Emma, uma das peculiares.

Telecinesia e viagens no tempo, ciganos e atrações de circo, malignos seres invisíveis e um desfile de animais inusitados, além de uma inédita coleção de fotografias de época — tudo isso se combina para fazer de Cidade dos etéreos uma história de fantasia comovente, uma experiência de leitura única e impactante.

Resenha
Leia a resenha do primeiro livro da série (O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiaresclicando aqui.
Esta resenha NÃO contém spoilers do livro anterior.

No primeiro livro acompanhamos Jacob, um jovem de 16 anos, que depois da trágica morte de seu avó e das suas ultimas palavras que o marcaram resolve ir em busca do passado de seu avô, em uma ilha remota na costa do País de Gales, para que assim ele consiga entender um pouco das estranhas historias e fotos antigas que seu avô mostrava.

Lá ele acaba encontrando o Orfanato onde seu avô viveu quando mais novo antes de se alistar no exercito, porém o orfanato foi destruído durante a guerra e tudo que sobrou são vestígios do passado ou pelo menos isso é o que aparenta.

"Eu gostava da ideia: de que a peculiaridade não era uma deficiência, mas algo a mais. A explicação não era que não tivéssemos algo que os normais tinham eles é que não possuíam peculiaridades. Nós eramos mais, e não menos."

Agora que parte dos mistérios que rodeavam as historias de seu avó foram revelados, Jacob junto com as crianças Peculiares que ele conheceu vai entrar em uma grande aventura para deter os seres malignos que querem dominar o mundo dos seres peculiares e dos normais.


Apesar do primeiro livro ter dado uma boa introdução é nesse que conhecemos bem mais do mundo dos peculiares, visitando outras cidades e locais onde eles vivem, descobrindo sobre o passado tanto do mundo peculiar como dos personagens que por terem habilidades diferentes acabaram sofrendo antes de serem resgatados por outros peculiares.

Por conhecermos mais dos personagens conseguimos nesse livro nos identificar ainda mais com eles, mesmo que na maior parte da aventura o grupo seja grande. Também temos bem mais ação e perigos desafiando as crianças nessa missão que eles acabam entrando e isso torna a leitura ainda mais fluida e viciante.

"Mas não dá para se sentir mal o tempo todo, quis dizer. Rir não pioras as coisas, assim como chorar não as melhoras. Não significa que você não se importa ou que tenha esquecido. Só quer dizer que você é humana."

Apesar de ainda ter o romance do protagonista com a Emma, uma das crianças peculiares com o dom de fazer fogo com as mãos, o romance não tem tanto foco como no livro anterior, apesar de algumas cenas fofas e outras bem dramáticas ainda estarem presente.

Na parte física apesar de seguir o padrão do livro anterior que foi publicado por outra editora esse tem alguns detalhes diferente, ele possui capa dura e diferente do anterior essa é azul, a sobre capa mantem o padrão da anterior, na parte interna temos folhas amareladas, folhas com um padrão marrom ao inicio de cada capitulo, fonte e o espaçamento estão em bom tamanho e claro temos dezenas de fotos que complementam o enredo e o deixam com um ar mais sombrio.

Então se você esta em busca de uma boa série de fantasia para ler que tenha uma leitura fluida com cenas de ação e toques sobrenaturais O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares é uma boa dica.

Onde Comprar: Amazon -  Submarino - Americanas -Saraiva

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Regras para os Comentários:

- Seja educado e não use palavras de baixo calão;
- Comentários hostis e racistas serão excluídos;
- Deixe o link do seu blog, pois retribuo todos os comentários;