10/03/2018

[Texto] Bloqueio na hora de escrever


Olá a todos, no outro post que fiz aqui para o blog vi que muita gente falou sobre o fato de ter dificuldades na hora de escrever e passar as ideias para o papel. Então eu vim falar um pouco de como eu lido com esse bloqueio no momento de escrever, mesmo que esse não seja o que você quer fazer pra sua vida ou como hobby, mas é bom e útil até mesmo pra quem precisa fazer uma redação ou texto mais elaborado ou só um trabalho.

DECIDINDO A IDEIA
Quando eu vou escrever alguma coisa seja de trabalho ou um livro, eu tento pensar em todo o enredo da história, desde os personagens até como será o final. Parece simples pensando assim, mas se analisarmos desse ponto de vista é a parte realmente fácil da coisa toda. 
Gosto de pensar onde será o cenário, a aparência dos personagens, a voz pessoal que cada um terá e suas personalidades; cada coisinha que é mínimo detalhe me ajuda no processo da escrita.

TRANSFERINDO A IDEIA
Alguns comentaram sobre a dificuldade em passar a ideia para a prática, o problema não é só a ideia e sim que às vezes nós pensamos uma situação e não encontramos palavras pra expressar aquilo e na grande maioria das vezes isso frustra os escritores. É como se não existisse se quer uma palavra no dicionário que nos dessem uma tradução do que poderia ser aquilo que está sendo criado na nossa mente.
Eu gosto de ir pensando e recriando as cenas e as falas na cabeça, vou escrevendo tudo no Word sem se quer reler. Coloco tudo que vem na minha cabeça e apenas corrijo os erros de pontuação ou alguma palavra errada, porque quando releio sempre bate aquela coisa de “droga, isso aqui tá muito simples” e aí quero logo apagar tudo.
Por questão disso, acho mil vezes melhor apenas escrever e deixar pra corrigir só onde for necessário, sem mudar a ideia original do texto.

DICA EXTRA
Uma das coisas que aprendi na escola e é muito útil até hoje é usar o método de Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. Porque sempre me ajudou muito nos momentos de fazer redação na escola, e ajuda também na hora do professor ler porque segue uma ordem cronológica dos fatos.
Um exemplo bem básico e rápido de texto com esse método:

“ Desde os tempos antigos os celulares eram usados apenas como forma de telefonar alguém... (Introdução).
[...] Após alguns anos, a tecnologia foi tão desenvolvida que passou por diversos meios de comunicação até chegarmos aos dias de hoje... (Desenvolvimento).
Então conclui-se que a tecnologia é um recurso perfeitamente útil que nos dias atuais têm se mostrado cada vez mais eficaz para empresas de diversos ramos... (Conclusão). “

E vocês, já ouviram falar desse método ou já usaram? Adoraria saber a opinião de vocês à respeito do bloqueio no momento de escrever e me digam o que gostariam que eu falasse no próximo post aqui no blog. Um beijão pra todos e todas!

10 comentários:

  1. Olá!

    Dicas ótimas e muito úteis. Acho que é sempre válido e muito importante a gente ter um "esqueleto" do texto que vamos escrever, seja um artigo, uma redação ou mesmo uma história. Isso ajuda mesmo na hora de escrever. Adorei a dica de escrever o que vier a mente e como vier, mas a releitura é realmente importante, pois pode ser que depois de deixar o texto descansar, consiga desenvolver melhor algumas coisas, ou mesmo palavras.
    Parabéns pelo post!

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Olá Tathiana, como vai?
    Eu gostei muito das dicas que você deu, gosto de escrever no papel alguns detalhes que julgo essenciais para a resenha, mas, escrevo a mesmo direto no word.

    Beijos e abraços
    http://vickyalmeida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, tanto como autora quanto como blogueira às vezes eu encontro dificuldade de conseguir transformar aqueles sentimentos em palavras e através destas palavras conseguir fazer com que o leitor possa captar a essência daquilo. Mas eu não me obrigo a escrever em um momento certo ou determinadas palavras ou caracteres por dia, deixo fluir naturalmente quando houver inspiração e depois edito com calma.

    ResponderExcluir
  4. Oii Tathiana

    Às vezes surge um bloqueio até pra escrever um texto que teoricamente parecia simples. As dicas são ótimas pra gente insistir e não se deixar abater jogando tudo pro alto. Não sou muito de fazer rascunho, gosto de escrever direto o que sinto mesmo porque é uma maneira que encontrei de deixar meu texto mais crível, porñem grande parte das pessoas que conheço super recomenda mesmo ter sempre um rascunho à mão. Eu não faço rascunho mas gosto de anotar itens importantes que não posso esquecer de citar / comentar durante o texto.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  5. Eu já tinha sim visto algumas dessas dicas. Todo mundo passa por um bloqueio ou uma dificuldade às vezes na hora de por alguma ideia e transformar num texto, né?
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  6. Gostei dos seus métodos. Eu escrevo redação sempre com isso de início meio e final, mas preciso tentar aplicar melhor na hora de escrever as resenhas. E preciso começar a anotar informações antes de escrever, assim não fico me perdendo e jogando as ideias do nada, rs.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  7. Realmente, a dica de introdução, desenvolvimento e conclusão funciona demais! Meu maior problema é justamente passar pro papel, na minha cabeça tudo faz sentido, tá tudo ok mas ai parece que minha mente é infinitamente mais rápida que minhas mãos, não dou conta de passar tudo pro papel como gostaria e desisto ):

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Acho que todo mundo uma vez na vida ficou com bloqueio para escrita né. Acho valiosíssimas suas dicas. Principalmente acho que o mais importante é tentar montar um rascunho antes para conseguir expressar melhor as ideias na hora de criar o texto, a verdade é que nem sempre conseguimos, mas tento fazer.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  9. Tenho vivido esse bloqueio e tudo isso se deve a problemas de saúde que tenho tido, ninguém merece, isso me deixa tão desanimada e triste que nem te conto viu. Mas gostei muito das recomendações e principalmente o o método de Introdução, Desenvolvimento e Conclusão, nunca tinha ouvido falar ou mesmo usado, adorei a dica.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Adorei sua postagem e fiquei muito feliz por ter visto essas dicas, que são maravilhosas. Eu sofro de bloqueio algumas vezes, mas tento não forçar, sabe? Eu sigo, também, essa tática de introdução, desenvolvimento e conclusão.
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir

Regras para os Comentários:

- Seja educado e não use palavras de baixo calão;
- Comentários hostis e racistas serão excluídos;
- Deixe o link do seu blog, pois retribuo todos os comentários;