05/01/2018

[Resenha] Quase Uma Rockstar - Matthew Quick


Bom Dia ūüėĄ Hoje temos mais uma estreia no blog ūüíĖDessa vez √© da resenhista Ana Luiza, ou Lucia como seus amigos a chamam, e para sua primeira resenha ela escolheu o livro Quase Uma Rockstar do autor norte americano Matthew Quick. N√£o deixe de ler a resenha abaixo.

Dados do Livros
Titulo: Quase Uma Rockstar
Autor(a): Matthew Quick
Quantidade de P√°ginas: 256
Editora Intr√≠nseca
G√™nero: Literatura Estrangeira / Romance
Ano: 2015
Skoob: Clique Aqui
Sinopse: Desde que o namorado da m√£e as expulsou de casa, Amber Appleton, a m√£e e o cachorro moram em um √īnibus escolar. Aos dezessete anos e no segundo ano do ensino m√©dio, Amber se autoproclama princesa da esperan√ßa e √© dona de um otimismo incans√°vel, mas quando uma trag√©dia faz seu mundo desabar por completo, ela n√£o consegue mais enxergar a vida com os mesmos olhos. Ser√° que no meio de tanta tristeza e sofrimento Amber vai recuperar a f√© na vida? Com personagens cativantes e uma protagonista apaixonante, Matthew Quick constr√≥i de forma encantadora um universo de risadas, lealdade e esperan√ßa conquistada a duras penas.

Resenha
Amber √© uma garota forte que passa por diversas priva√ß√Ķes e uma terr√≠vel perda que a faz ter uma vis√£o diferente do mundo. Ela sempre encontra esperan√ßa e tenta ser forte para lidar com todos os problemas que ela tem e que os seus amigos e pessoas ao redor dela tem. Amber est√° sempre tentando ajudar.

O autor criou uma personagem que vê a vida de uma forma diferente, com esperança e expectativas de mudanças. A personagem em si consegue ser diferente, ousada e sarcástica em diversos momentos, e não passa só por crises de adolescentes, mas também por uma terrível perda que abala totalmente a sua vida, ela tenta sempre ter esperança, seguir em frente e ajudar a todos, o que é uma tarefa difícil mas mesmo assim ela continua tentando.



Quase uma Rockstar tem uma narrativa muito boa, personagens bem construídos e momentos bons e ruins mostrando que a vida tem seus altos e baixos.

O livro tem folhas amareladas, em alguns cap√≠tulos s√£o apenas haicais¹ escritos por Amber e poemas, ele √© divido por quatro partes diferentes, como se fossem fases.

Ent√£o se voc√™ procura um livro que te desperte v√°rias emo√ß√Ķes, Quase uma Rockstar vai te prender de um jeito maravilhoso.


1. Haicai √© um poema de origem japonesa, que chegou ao Brasil no in√≠cio do s√©culo 20 e hoje conta com muitos praticantes e estudiosos brasileiros. No Jap√£o, e na maioria dos pa√≠ses do mundo, √© conhecido como haiku. (Kakinet)
Onde Comprar: Amazon - Saraiva - Americanas - Submarino

15 coment√°rios:

  1. Oi, Ana Luiza. Acho que o livro nos dá um aprendizado e nos mostra quão boa a Amber é, que mesmo diante das dificuldades, ela está pronta pra estender a mão e ajudar! Acho que ela serve como exemplo a ser seguido!

    ResponderExcluir
  2. Nossa, não só pela sinopse, mas sua resenha deu mesmo a entender que o livro é bem emotivo. Parece ser um livro não muito leve, mas muito bom de ler. Adorei a dica e a anotei!

    Abraços,
    https://literaleitura2013.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Parece ser um livro muito bom, com uma história bem bacana... Fiquei bem curiosa pra ler e adorei tua resenha!

    Beijos,
    https://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Que resenha sucinta e mais bem estruturada e organizada, hein?
    Adorei!
    Quanto ao livro, me pareceu realmente muito especial e emocionante.
    Amber me pareceu o tipo de protagonista que eu gosto.
    Mas acho que gostaria mais desse tipo de história, quando era mais nova, sabe?
    Mas de qualquer forma, grata pela sugest√£o!
    Beijos!

    Eliziane Dias

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia o livro é gostei da resenha e da apresentação. Vou procurar e já colocar em minha lista.

    ResponderExcluir
  6. Oie, eu nunca parei para prestar atenção nessa sinopse, mas a partir da sua resenha fiquei cheia de vontade de ler o livro. Gosto de histórias sensíveis, que tocam em temas fortes.

    ResponderExcluir
  7. Oiii
    Eu adoro a premissa desse livro e pretendo ler em breve, gostei muito da escrita do autor quando li "o lado bom da vida", espero gostar desse aí também kkk Amei a resenha, espero que o livro me prenda.
    Bjos, Bya !ūüíč

    ResponderExcluir
  8. Gosto muito da escrita do Matthew Quick, mas ainda n√£o consegui ler esse livro. Fui adiando e passando outras leituras na frente e fiquei perdida. Dica anotada <3

    Beijos
    <a href='http://saidaminhalente.com">Sai da Minha Lente</a>

    ResponderExcluir
  9. N√£o conhecia o livro, mas parece ter uma escrita bem fluida e leve, sem deixar de conter reflex√Ķes. Gostei da explica√ß√£o sobre Haicai, eu confesso que aprendi isso em um dos livros que li no ano retraso. S√≥ n√£o me recordo o nome dele.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oii! Eu tenho esse livro em pdf, mas ainda não tive a oportunidade de ler. A história parece ser linda e agora que eu li a sua resenha, fiquei curiosa para iniciar a leitura haha. Obrigada pela dica, bjss!

    ResponderExcluir
  11. Olá, muito bom ver sua resenha desse livro, me fez me lembrar que tenho ele na estante há algum tempo e ainda não li, preciso lê-lo. Gostei muito do que vi sobre a protagonista na sua resenha.

    ResponderExcluir
  12. Tenho lido resenhas deste livro e ficado interessada, ainda mais pelas reflex√Ķes que a leitura parece despertar.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  13. Ol√°!
    Eu nunca li nada do autor, mas sempre me falaram bem então eu tenho muita curiosidade. Parece ser uma ótima obra e o tema me chamou muito a atenção, vou deixar a dica anotada.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Ola
    Fiquei curiosa para saber sobre essa perda, mas tambem não consigo me prender a uma leitura em que o personagem principal é adolescente, já tentei mais não flui.
    Mas vou anotar a dica para quem sabe , no futuro eu arrisque a ler.
    Bjus
    Jis Rocha
    Blog Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem? sempre conhecia o autor de nome, porém nunca peguei alguma obra sua para ler. Na época do lançamento fiquei alvoroçada, mas com o tempo perdi o interesse. Sua resenha está ótima, mas não sei se é mais meu estilo de leitura. Quem sabe futuramente?!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Regras para os Coment√°rios:

- Seja educado e n√£o use palavras de baixo cal√£o;
- Comentários hostis e racistas serão excluídos;
- Deixe o link do seu blog, pois retribuo todos os coment√°rios;