08/09/2016

{Resenha 215} Eu Sei O Que Você Está Pensando - John Verdon


Boa Tarde! Hoje temos a segunda resenha do mês \o/ Para essa resenha a Paty, nossa colaboradora, escolheu um romance policial que promete surpreender seus leitores e super recomendamos eles para todos amantes desse gênero e para quem deseja um boa leitura *-* Leia a resenha abaixo.

 Dados do Livros
Titulo: Eu Sei O Que Você Está Pensando (Dave Gurney #1)
Autor: John Verdon
Quantidade de Páginas: 340
Editora Arqueiro
ISBN: 9788580410143
Gênero: Literatura Estrangeira / Romance Policial / Suspense
Ano: 2011
Skoob: Clique Aqui
Sinopse: Uma carta perturbadora chega via correio com uma simples declaração ao final: "Veja como conheço seus segredos - apenas pense em um número." Errará quem pensar que uma carta dessas chega a seu destino final apenas por obra do acaso.
Para o detetive aposentado da polícia de homicídios da cidade de Nova York, Dave Gurney, que está formando uma nova vida ao lado de sua esposa Madeleine, as cartas começam a deixar de ser estranhas para se tornarem um complicado quebra-cabeça que levará a uma enorme investigação sobre assassinatos em série.
Trazido para o caso como consultor, Gurney em pouco tempo percebe pistas que a polícia local deixou passar. Ainda assim, diante de um oponente que parece ter o dom da clarividência, Gurney vê seus esforços irem em vão, seu casamento rumando a um precipício e, finalmente, um medo incontrolável de que seu adversário não pode ser parado.

Resenha:
Um suspense policial que conta a história de um psicopata bizarro, que conhece e sabe o que as suas vítimas estão pensando. Nele temos como protagonista David Gurney, um detetive aposentado, que vive uma vida pacata com sua esposa, Madeleine, numa fazenda no interior do estado, porém, a vida conjugal de ambos está por um fio.

A primeira aparição do psicopata misterioso é quando, Mellery, um grande empreendedor de auto-ajuda, se sente ameaçado, após receber poemas suspeitos que supostamente o autor deles conhecia todos os segredos obscuros do seu passado.  E para provar que o conhecia muito bem, o remetente pede para que  ele pensasse em um número de 1 a 1000. Após o anônimo acertar em cheio a resposta que ele deu, Mellery recorre a  Gurney, um ex-colega de faculdade que poderia ajudá-lo a desvendar quem seria o "remetente anônimo" que tanto o perturbava.

Gurney, ansioso para voltar a vida de investigador criminal, aceita ajudá-lo para desvendar essa charada. O que os dois pouco sabiam era que estavam lidando com um serial killer, meticuloso, inteligente, muito perigoso, e ainda por cima, sem antecedentes criminais.

Ao passar das  páginas, o assassino colocava mais um quebra-cabeça, onde a cada cena de crime, as pegadas eram desconexas, as digitais não apareciam, e o mistério do ritual de execução do homicídio deixava Gurney ainda mais intrigado.  

"Se você pensa que existe redenção para os erros do passado, o presente pode mostrar que você está fatalmente enganado."

— Então seu pai não prestava atenção em você, David. Isso fazia você se sentir mal?
— Mal? Não, mal não. Na verdade não sentia nada com relação a isso.

"No entanto, num sonho, era possível se afogar em tristeza."

Uma escrita que não é superficial em momento algum, um enredo emocionante, que leva o leitor a ler do início ao fim. Contada em terceira pessoa, com enfoque em Gurney, dando uma grande conexão ao protagonista, pois  ao mesmo tempo que faz detalhes do meio, ele também retoma aos pensamentos internos do personagem, e que além disso,  essa proximidade nos faz  decifrar e suspeitar junto com ele, os mistérios dos assassinatos.

É o primeiro de 4 livros da série David Gurney, os outros nomeados respectivamente:  "Shut your eyes tight " (Feche bem os olhos), “ Let the devil sleep” ( Não brinque com fogo), “Peter pan must die” ( Peter pan tem que morrer). No primeiro livro, percebe-se que há começo, meio e fim e que provavelmente os outros sejam da mesma forma, então tem possibilidade de serem lidos individualmente, porém, ler a série do começo seria uma ótima opção para entender o enredo e ter melhor conhecimento dos personagens. O autor é muito conhecido por fazer romances psicológicos e sabendo disso dá para ter um bom acompanhamento da trama. 

Particularmente, eu não conhecia o autor, eu me deparei com a capa do segundo livro que me chamou bastante atenção, acabei  descobrindo também, que era uma série, me deixando com grande curiosidade de como seria o desenvolvimento da série, e não me deixou na mão, me surpreendeu muito.
Onde Comprar: Amazon - Saraiva - Americanas - Submarino

9 comentários:

  1. Eu nunca tinha lido um livro policial e quando me surgiu uma oportunidade desfrutei da leitura. Mas agora vendo que existe muitos temas dentro do gênero policial, me deu vontade de ler esse livro... Por que eu não tinha visto antes e já está anotado aqui, pois quero conferir com meus próprios olhos. :D

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
  2. Oiii Patricia, tudo bem?
    Eu to completamente apaixonada pela sua resenha e a obra em si, eu gosto muito de suspense e todo esse enredo trabalhado, além do mais a capa está linda por demais e despertou muito meu interesse cm essa sua resenha.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    A premissa do livro é bem interessante e, embora não seja meu gênero literário favorito, fiquei bem curiosa para conferir de perto essa série.
    Ando me surpreendendo bastante com as obras de suspense que estou lendo e cada vez mais tenho aberto espaço para tal gênero. É sempre muito bom ficar com aquela pontinha de angustia para saber o que virá em seguida!!
    A capa está linda e adorei a resenha!!

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Adoro premissas com psicopatas! Acho interessantíssimo. Vou procurar ler o livro. Já ouvi ótimos comentários sobre a escrita do Verdon.
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  5. Oiii!!
    Não conhecia o livro e achei bem interessante o enredo da história pelo que eu li na sua resenha. Gosto bastante de livros que envolvam detetives, um assassino desconhecido, enfim rs Romances policiais em geral kkkk
    Eu leria com certeza.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi. Eu não conhecia o autor mas confesso que pouco leio de suspenses. Não sei porque mas o gênero não me chama muito atenção e sempre passo para a frente. Mas já li os livros do James Patterson, que é um autor que abusa do thriller psicológico, por isso já deixo indicado os livros dele.
    Beijo, Visite o Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  7. olá, flor... então... só desanimei um pouco pelo fato de ser uma série, mas como gosto bastante do gênero,resolvi anotar em minha listas de futuras leituras... espero curtir... já tinha ouvido falar do autor, pela premissa, acredito que vou ficar empolgada com a trama... ^^
    bjs...

    ResponderExcluir
  8. Sou fã de romances policiais e tenho lido muito deles ultimamente, adoro os quebra-cabeças criminais e as reviravoltas da trama. Gostei enormemente da premissa desse e, mesmo evitando séries, lerei com maior prazer!

    ResponderExcluir
  9. Nunca li nenhum romance policial, fico muito focada nos romances de época, mas acho que vou começar a experimentar novos ares uhsaushuahs
    Ótima resenha.
    no-universo-dos-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir

Regras para os Comentários:

- Seja educado e não use palavras de baixo calão;
- Comentários hostis e racistas serão excluídos;
- Deixe o link do seu blog, pois retribuo todos os comentários;