16/03/2015

[Resenha #116] Uma página de cada vez


Ola pessoal! Como estão indo??? Bem eu espero! Hoje trouxe uma resenha que já foi publicada no meu blog, mas quis compartilhar com vocês também. Vambora?

Titulo:  Uma página de cada vez
Autor: Adam J. Kurtz
Quantidade de Páginas: 368
Editora: Paralela
Gênero: Diário? Auto - ajuda? Diferente!
Ano de Lançamento: 2014
Preço: R$14,88 à R$24,90
ISBN:9788565530699
Skoob: Clique Aqui
Sinopse:Uma Página de Cada Vez - Pense em alguma coisa que deixa você inseguro e escreva o que é em letras enormes. Use o espaço todo! Olhe bem para o que você escreveu. Agora vire a página. No seu primeiro livro, o artista gráfico americano Adam J. Kurtz usa provocações divertidas como esta para fazer o leitor refletir sobre sua vida ao mesmo tempo em que testa a própria criatividade. Como o título diz, cada página traz uma brincadeira diferente. Pode ser uma pergunta, uma sugestão de desenho ou um pedido para que você crie uma lista de músicas para seu amor verdadeiro ou das melhores fatias de pizza que comeu na vida. O autor também pede para o leitor colar objetos inusitados nas páginas do livro e compartilhar nas redes sociais algumas das anotações feitas nele. Uma maneira espirituosa e lúdica de buscar o autoconhecimento.

Resenha

Já imaginou escrever bilhetes de encorajamentos e deixar em lugares públicos?E listar dez coisas que você é muito bom? E simplesmente sentar no chão na hora do banho? É isso que Adam com sua genialidade nos propõe a  fazer. Coisas simples, como contar um aniversário de nossa infância, até descontar nossa raiva e literalmente virar a página.

"Aconteça o que acontecer, sempre haverá pizza."

Comprei esse livro em uma promoção no Amazon. Na verdade fiquei desde o lançamento babando por ele e rezando para abaixar o preço, não que seja caro, mas ter um descontinho é bom, e quando o encontrei, mais barato e ainda vindo junto um marcador, um lápis e uma caixinha de lápis de cor, não resisti. Comprei. E não me arrependo. No dia que ele chegou folhei e li quase todas as páginas. Meu desejo foi de fazer tudo de uma vez. O primeiro contato com ele é muito gostoso, a animação, a vontade de fazer, de ver o tempo passar, de recordar o que você fez no inicio, é tudo muito bom.

"É só papel! Escreva 'cuidado' repetidamente, depois faça a página em pedacinhos e jogue-os ao vento."

Eu peguei para fazer ele na época que dei uma parada no meu blog, eu estava meio mal, um tico depressiva, dai entrei de cabeça nesse diário. E fui vivendo um dia de cada vez. Foi minha terapia. Num momento eu era desafiada a escrever um email a todos que duvidaram de mim um dia, até eu mesma, no outro era para simplesmente relaxar e desenhar ou escrever o que quiser, o que der vontade. Tudo bem proporcional.  Ele vai desde reflexões complexas sobre a vida, do tipo 'onde você acha que vai estar daqui a vinte anos?' até coisas engraçadas como desenhar bananas por vinte minuto.

"Quando a vida fecha uma porta, ela abre uma janela. Mas se a porta não estiver trancada, não tem motivo para você simplesmente não abri-la sozinho,certo?"

Ele é super recomendado a todo tipo de pessoa. Mais que um diário, acaba se tornando um amigo, onde você pode gritar sem voz, desabafas, ele vai ter conselhos e frases marcantes ou às vezes uma piadinha para animar. É um espaço todo seu. Para rabiscar, cortar, não destruir (não vá confundir os livros), para fazer o que tiver vontade. E assim viver 1 dia pagina de cada vez!


Nota
(Perfeito e Favorito)

E vocês têm o livro? Vão comprar? Já ouviram falar? Conte-me adorarei saber!

Um comentário:

  1. Eu já tinha visto algumas fotos desse livro, logo imaginei o que seria. Gostei muito desse "projeto", da criatividade do autor, é muito interessante e parece ser legal :D
    Adorei a resenha, quero muito esse livro agora, heheheh.

    Beijos | Quebrar o Silêncio

    ResponderExcluir

Regras para os Comentários:

- Seja educado e não use palavras de baixo calão;
- Comentários hostis e racistas serão excluídos;
- Deixe o link do seu blog, pois retribuo todos os comentários;