07/07/2014

[Resenha#47] Um Capricho dos Deuses

Bom Dia, hoje temos a segunda resenha do mês e ela é de mais um livro do meu mais novo autor favorito Sidney Sheldon, cada novo livro que leio dele eu me apaixono mais ainda pelo seu modo de conduzir o enredo e de prender sua atenção até a ultima linha.

Titulo: Um Capricho dos Deuses (Skoob)
Autor: Sidney Sheldon
Quantidade de Páginas: 400
Editora: Record
Sinopse: História de Mary Ashley, jovem e brilhante professora de Assuntos da Europa Oriental na Universidade Estadual do Kansas, EUA, que vê sua vida mudar completamente depois que é designada embaixadora dos Estados Unidos num país da Cortina de Ferro, a Romênia.








Resenha: 
A historia começa mostrando detalhes e como o novo presidente dos E.U.A. se elegeu, e sobre sua politica de aproximação dos países da Cortina de Ferro¹ com sua politica de povo-para-povo e para começar seus planos ele consegue restabelecer uma aproximação com a Romênia, pais que vive uma forte ditadura e que é próximo a União Soviética.

E com essa aproximação o presidente Paul Ellison tem que enviar um embaixador para cuidar de assuntos na Romênia e ele acaba por escolhendo Mary Ashley, uma professora universitária que é especialista em países europeus. Mas Mary, que vive em uma pequena cidade do Kansas é casada e tem dois filhos, decide que não quer ter que se mudar para outro país onde seu marido não poderia ir, pois ele é medico e esta muito ligado ao hospital em que trabalha. Mas tudo muda apos um misterioso acidente onde o marido de Mary morre, deixando-a em estado de choque, sem saber oque fazer ela repensa e acaba aceitando se tornar a embaixadora da Romênia e acaba por sendo levada para um mundo politico cheio de intrigas, rede de corrupção e uma grande conspiração para mata-la.

"Somos criados para esperar um final feliz, pensou Mary. Mas não existe nenhum final feliz. Há apenas a morte à nossa espera." (Página 122)

Bom esse livro diferente dos outros que li do autor não é basicamente um romance policial, mas é tão emocionante quanto. Ele te leva pelo mundo politico, onde existe alianças e conspirações para assassinatos, com a narrativa intercalada você tem os vários pontos de vista da historia. E como em um livro do Sidney Sheldon não poderia falta no final temos uma emocionante caça para descobri que esta tentando assassinar Mary e como só ele consegue fazer você começa imaginando que é uma pessoa, depois passa a pensar em outra, depois volta a suspeitar da primeira de novo e por fim ele te surpreende de uma maneira incrível e te mostra um culpado que você nem sequer cogitou ligando toda a historia e acontecimentos que pareciam avulsos.

"Serei a melhor embaixadora que eles já conheceram ... Não sou uma embaixadora. Sou uma impostora. Vou nos meter numa guerra. Deus nos ajude. Eu nunca deveria ter deixado o Kansas." (Página 224)

A personagem principal é uma pessoa forte, inteligente e que acima de tudo ama seus filhos e amava seu marido. Ela também é cabeça dura e as vezes demora para perceber algumas coisa que para mim estavam meio obvias, da algumas vaciladas e tem suas crises de bipolaridade. Mas o importante é que ela não se torna chata ou insuportável, ela apenas tem um bom aspecto humano e erra como qualquer um.

Outro ponto positivo é que por ter como tema politica temos discursos incríveis feitos pelo presidente. Também temos como plano de fundo a guerra fria e as comunicações entre países, quem gosta de politica ou de sociologia vai amar mais ainda do livro por isso.

"Jamais nos esquecemos que toda a humanidade partilha uma origem comum, problemas comuns e um destino final comum." (Página 18)

Nota:
(Ótimo)
____________________________________________________________________________
1. Cortina de Ferro: Cortina de Ferro foi uma expressão usada para designar a divisão da Europa em duas partes, a Europa Oriental e a Europa Ocidental como áreas de influência político-econômica distintas, no pós- Segunda Guerra Mundial conhecido como Guerra Fria. Durante este período, a Europa Oriental esteve sob o controle político e/ou influência da União Soviética, enquanto a Europa Ocidental esteve sob o controle político e/ou influência dos Estados Unidos. Esta expressão célebre é utilizada para designar o domínio da extinta União Soviética sobre os países do leste da Europa.(wiki)

20 comentários:

  1. Nossa, mais um livro dele? UHHUAUAHS Parece eu, apaixonada por todos os livros do Khaled Hosseini. Mais um livro de suspense, esse autor parece ser ótimo. Política realmente rende MUITAS discussões, o que deve fazer o leitor pensar bastante sobre o governo do seu país. É uma pena que não tenhamos livros brasileiros assim... Acho incrível quando uma história tem vários acusados e o que menos se esperava é o culpado SUAHUAH... Gostei desse livro, vou colocar como desejado no skoob u.u Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me apaixone pela forma dele escrever, então ainda viram muitas resenhas de seus livros <3 Politica sempre rende, não conheço nenhum livro brasileiro que aborde a politica da maneira que este aborda, adoraria ler um.

      Excluir
  2. Oii!
    Sidney Sheldon deve ser ótimo, porque em todas as livrarias tem livros dele. Não faz muito o meu gênero literário preferido, mas eu ainda vou ler alguma coisa dele. Sempre vale conhecer as obras e só depois julgar neh. No momento eu estou conhecendo os livros da Jane Austen e estou amando.

    beijos.

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é sim, sem duvida um dos melhores escritores de suspense <3 Leia sim, quem sabe você não goste. Pretendo ler em breve alguma coisa dela também *--*

      Excluir
  3. Mais uma incrível resenha.
    Cortina de Ferro,não lembro direito o que é mas lembro te terem falado disso na escola...
    O livro parece ser de um mistério emocionante,me deu vontade pois pelo que li na sua resenha,já comecei a suspeitar de alguns personagens,é possível que eu baixe da internet para ler.
    Gosto de histórias que fatos separados acabam se ligando no fim,eu admiro esses autores que conseguem ligar casos separados.
    Eu senti pela personagem quando li que o marido dela havia morrido.
    Mas no final é essa frase mesmo,por mais que façamos tudo para sermos felizes no fim nós iremos chorar pois veremos as pessoas que mais gostamos partirem e não poderemos fazer nada.
    Nossa fui filosófica.kkk
    Gostei muito da resenha.

    Sarang Cute

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tinha esquecido de colocar no post, mas agora tem uma pequena explicação do Wikipedia no final para quem não é familiarizado com o termo Cortina de ferro.
      O suspeito é quem menos você espera, você acaba pensando em todo mundo até o ultimo capitulo ai você descobre que era aquele que você nem deu tanta atenção...
      O livro é cheio de discurso que te levam a filosofar, se você gosta de ler algo que te faça parar de ler de vez em quado para pensar tenho certeza que vai gostar deste =)

      Excluir
  4. OOOOOOOOOOI, Jess! ♥ Tudo bem? Hmm, adorei sua resenha! Nunca li livros, ou sequer imaginei que existiam, de política, acredita? Adoro livros que fazem com que indagamos diveeeersas vezes sobre diveeeersas coisas. Especialmente quando suspeitamos de alguém, aí passa um tempo, suspeitamos de outra, e depois, como você mesma disse, o final nos surpreende com a última pessoa que você imaginava ser suspeita, haha! Acho algo super interessante, pois isso prende o leitor e faz com que o mesmo vá mais a fundo na história. Essa parte de quando o marido dela morre também me intrigou bastante! E claaaaaro, obviamente, quem está querendo matá-la... Achei muuuito interessante essa resenha, Jess! ♥ Acho que eu não gostaria do livro lendo somente a sinopse! :3

    Um enoooooorme e grande beijo,

    Juu-Chan || Nescau com Nutella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Livros que nos surpreendem no final são os melhores e esse te surpreende de varias maneiras e isso sempre te prende na leitura. Obrigado <3

      Excluir
  5. Acredita que nunca li nada do autor? Mas tenho muita vontade, e lendo tua resenha só aumentou mais ainda. Espero mudar essa situação logo.
    Beijos
    http://apenas-um-vicio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Serio, se tiver a oportunidade leia sim, pois se você gostar do gênero vai amar o modo de desenrolar do enredo <3

      Excluir
  6. Cara,você está enchendo cada vez mais minha lista de livros que preciso comprar (eu falindo mais ainda),realmente parece um livro muito bom,amo livros onde você tenta dar uma de detetive e começa a pensar que está certo,só para depois descobrir que está totalmente errada e que o autor te enganou direitinho e apesar de que sou atraída duas vezes mais para livros de aventura livros como esse chamam minha atenção logo de cara e o fato deles citarem Kansas (os hunters já se interessam na hora quando veem livro com esse estado) já me deixou com vontade de ler.
    Blog:Portal do mundo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Livros assim são muito bons mesmo, se tiver chance leia sim você vai ama-lo <3

      Excluir
  7. Este autor não me chamou muita atenção, não gostei tanto dos temas dos livros dele. Esse por ser de política não acho que irei gostar, mas posso dar uma chance e ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De uma chance sim, quem sabe você não goste neh?

      Excluir
  8. ainda não li nada desse autor, mas tenho alguns livros dele na minha lista. Não sei porque mais tenho um certo receio em ler os livros dele, mas espero começar algum em breve hahaha
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não precisa ter receio, se você gostar desse gênero vai amar os livros dele <3

      Excluir
  9. Mais um do Sidney Sheldon <3
    Tenho esse autor como um dos meus favoritos, eita homem pra escrever bem!
    E já falei o quanto acho lindas essas capas? Fixação minha? Talvez. Hahahaha
    Gostei da premissa desse livro, ainda não tinha ouvido falar, mas me deixou bem interessada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é um dos meus também <3 Ele é muito bom mesmo e você que já gosta da escrita do autor vai amar o livro mesmo.

      Excluir
  10. Mortes misteriosas, corrupção, tentativa de assassinato, uhuuuuuu curti demais o enredo desse livro, já estou até ansiosa para ler ele, me vi presa nessa resenha e querendo saber mais sobre os livros do autor.
    Beijos!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro é incrível mesmo, tenho certeza que vai gostar de lê-lo <3

      Excluir

Regras para os Comentários:

- Seja educado e não use palavras de baixo calão;
- Comentários hostis e racistas serão excluídos;
- Deixe o link do seu blog, pois retribuo todos os comentários;